Press & Professionals

desktopdialog_0408_70x100 "LaserSoft Imaging consistently enhances its excellent software. [...] Multi-Exposure offers better quality for scanning slides, [...] quality intensification but ease for the user."

Desktop Dialog 4-2008

fotografiareflex_062007_70x100 " The technique of multiple exposure has proven itself in a practical test to be supremely effective, ..."

Fotografia Reflex 6-2007

"The difference between the single pass scan and SilverFast's Multi-Exposure scan is nothing less than phenomenal."

(Steve Hoffmann, Nature and Landscape Photographer)

Testimonial by Peter Wolff (PHOTOgraphical.NET, 22 agôsto 2007, inglês)

When and Why To Apply Multi-Exposure in SilverFast Ai Studio 6.5 (IT-Enquirer, jan. 2007, inglês)

SilverFast Ai Studio 6.5: Multi-Exposure Brings Out The Details (IT-Enquirer, dez. 2006, inglês)


Testimonials More testimonials and reviews ...

Testes independentes

Dietmar-Wueller "SilverFast Multi-Exposure and Scanner Dynamic Range"
testado por D. Wüller
Image Engineering
fevereiro 2007 (inglês)

Testreport 1: Epson, Nikon
Testreport 2: Canon
 
SilverFast Multi-Exposure
sfmultixposure_banner_de_en
Um novo recurso de SilverFast Ai Studio e SE Plus 6.5

Maximize a sua dinâmica!

Introdução


Em todas as fases do workflow (captura, digitalização, tratamento e gravação), cabe à gama dinâmica um papel importante para a obtenção de resultados de alta qualidade. De maneira geral, consegue-se com uma gama dinâmica maior uma melhoria significante nos resultados.

O objetivo de Multi-Exposure é uma melhoria da dinâmica na digitalização de originais transparentes, porque, nestes casos, o scanner chega rapidamente ao seu limite com a digitalização única.
Como uma melhoria significativa da dinâmica de originais opacos é tecnicamente impossível, Multi-Exposure é utilizada exclusivamente para originais transparentes.

Através da utilização de várias camadas com sensibilidades diferentes, os modernos filmes preto-e-branco, filmes negativos coloridos e filmes diapositivos têm uma gama dinâmica grande já na captura.

Realmente, um filme diapositivo comum tem uma gama de contraste de 8 pontos de diafragma. Um negativo exposto e revelado perfeitamente pode conter uma gama de contraste de até 12 pontos de diafragma.

O problema

O registro cromático correto de uma fotografia é influenciado por muitos fatores dentro do scanner.
  • Se a gama dinâmica do original excede a gama de contraste que o scanner pode ler, haverá detalhes que não são registrados, apesar da profundidade de bits suficiente do scanner.
  • O resultado é falta de informações de imagem, especialmente nas áreas claras e escuras.
  • Adicionalmente, o ruído reduz a qualidade visual da imagem digital.
multiexposure_example_en


A solução "Ansel Adams" para scanners - Workflow SilverFast HDR

Se Ansel Adams tivesse sido um desenvolvedor de software, ele provavelmente teria desenvolvido o recurso SilverFast Multi-Exposure para a LaserSoft. Como mestre na dinâmica da fotografia analógica, ele foi o primeiro a medir sistematicamente a sensibilidade à luz de todo o equipamento empregado. Mas a LaserSoft investiu numa nova dimensão:
SilverFast Multi-Exposure

Para cobrir completamente a gama dinâmica das fotografias digitalizadas, três produtos SilverFast podem ser combinados de maneira ideal:
  1. SilverFast SE Plus ou SilverFast Ai Studio cobrem a gama dinâmica máxima com a utilização do recurso Multi-Exposure.
  2. SilverFast HDR-Studio processa e otimiza a digitalização HDR para a saída e arquivamento. (SilverFast HDR não é necessário para a utilização de Multi-Exposure, más é recomendado.)
SilverFast Multi-Exposure cobre a gama dinâmica máxima do original através de varreduras múltiplas com exposições diferentes. Este procedimento é diferente do recurso Multi-Sampling, onde ruído geral é eliminado através de varreduras múltiplas com exposição igual. O novo recurso Multi-Exposure não só elimina o ruído como aumenta, adicionalmente, a gama dinâmica do hardware melhor do que Multi-Sampling.

A exposição múltipla pode eliminar ruído e, ao mesmo tempo, tirar mais detalhes das áreas claras e escuras da imagem. O efeito é mais aparente em luzes especulares e texturas acentuadas.
multiexposure-example2_en


As vantagens

Digitalizar fotos de interiores e tentar reproduzir todas as nuances nas luzes e sombras às vezes é uma tarefa frustrante. Na melhor das hipóteses, isso requer muito tempo e esforço, e, às vezes, parece até impossível. O resultado possível depende unicamente da gama dinâmica do scanner. O software que permite ao hardware registrar mais detalhes nas luzes e sombras aumenta, efetivamente, a gama dinâmica do scanner. O gráfico mostra o aumento possível da gama dinâmica com a utilização de SilverFast Multi-Exposure em diversos scanners.

ExtendedDynamicRange_en


No exemplo, uma gama dinâmica de 2.0 significa que o scanner consegue registrar uma razão de contraste de 100:1, enquanto uma gama dinâmica de 3.0 significa que uma razão de contraste de 1000:1 pode ser lida. Nos nossos testes de gama dinâmica conforme ISO21550:2004 (um padrão internacional) foi comprovado que o scanner de mesa Epson V700 conseguiu com SilverFast Multi-Exposure uma gama dinâmica de 3.38, ou seja, uma razão de contraste de quase 2.400:1. Logo, SilverFast Multi-Exposure ainda reconhece detalhes quando as luzes são 2400 vezes mais claras que as sombras. Estes dois gráficos demonstram mais claramente o aumento drástico ao utilizar-se valores de luminância.

Grafik_multi-exposure_en

Esta gama dinâmica normalmente é só alcançada com scanners de tambor que custam várias vezes mais do que p.ex. o Epson V700.

Para um resultado perfeito, certifique-se que a imagem não se mova durante as diversas varreduras: Utilize um suporte de filme ou fixe o slide com fita adesiva.
Isso é importante para evitar que vibrações e movimentos que acontecem durante a digitalização desloquem o slide, o que faria com que as diversas varreduras cobrissem áreas diferentes da imagem.

Você precisa de HDR Imaging e Multi-Exposure?

HDR imaging terá um papel central nos próximos degraus da evolução do processamento digital de imagens. Nos próximos anos, mais e mais tecnologias HDR aparecerão no mercado e mudarão o modo como as imagens são capturadas, tratadas, digitalizadas, reproduzidas e armazenadas. LaserSoft Imaging se orgulha de ser um precursor desta evolução.

Com o software HDR, você alcançará maior produtividade e uma nova dimensão em qualidade!

Por apenas 30,- ou 55,- Euro/US$, respectivamente, você pode acrescentar esta função ao SilverFast SE Plus ou Ai Studio versão 6.5 Informe-se, primeiro, sobre quais scanners suportam Multi-Exposure.